Advertisement

Hospital São João Batista, em Volta Redonda, registra 450 cirurgias a mais em 2023



Balanço de janeiro a julho aponta aumento de 17,5% no número de
procedimentos em relação ao mesmo período do ano passado

O Hospital São João Batista (HSJB), em Volta Redonda, divulgou nesta
semana o número de cirurgias realizadas de janeiro a julho deste ano.
Foram 3.019 procedimentos – 451 (17,5%) a mais que o registrado no mesmo
período de 2022, quando foram feitas 2.568 cirurgias. A unidade, que é
referência em traumato-ortopedia e em especialidades como neurocirurgias
e procedimentos urológicos e de tórax, tem recebido investimentos da
prefeitura que permitem essa ampliação no número de cirurgias.

De acordo com os dados divulgados pelo HSJB, o maior número de cirurgias
nos primeiros sete meses de 2023 foi relacionado a traumato-ortopedia,
com 828 procedimentos; seguido pelas cirurgias gerais (609) e de
urologia (604). A unidade hospitalar também realizou no período outras
cirurgias: 486 de gineco-obstetrícia; 120 vasculares; 114 de
buco-maxilo; 95 neurocirurgias; 66 toráxicas; 52 de oftalmo; 20 de
Proctologia; 17 cirurgias plásticas; 7 pediátricas; e 1 de gastro.

O diretor-geral do Hospital São João Batista, o vice-prefeito Sebastião
Faria, destacou que somente no mês de julho deste ano foram realizadas
480 cirurgias na unidade, número 11,6% maior que o registrado em julho
do ano passado.

“Esse trabalho é fruto de investimentos do governo municipal, como a
aquisição de insumos básicos (medicamentos), modernização do centro
cirúrgico e investimentos em tecnologia, equipamentos e profissionais.
Agradeço às equipes do nosso hospital por contribuírem para que cada vez
mais a unidade melhore o atendimento à população”, agradeceu Faria.

Reforma e ampliação do HSJB

Além dos investimentos já citados, o Hospital São João Batista está
passando por uma obra de ampliação, por meio de parceria entre a
Prefeitura de Volta Redonda e o Governo do Estado, com investimento de
aproximadamente R$ 20 milhões. O hospital de hoje vai crescer para o
lado onde fica o estacionamento dos funcionários. Será uma edificação de
cinco pavimentos, sendo três andares de estacionamento, com 70 vagas, e
que será interligada ao atual hospital, contando com rampa e elevador.

De acordo com a empresa responsável pela obra, já foi feita concretagem
de alguns blocos da fundação do novo prédio, e as estacas já estão quase
todas colocadas. A etapa seguinte será a instalação das estruturas
metálicas, que começam a ser construídas nesta semana.

Pelo projeto, o quarto andar deste nova área vai abrigar um Centro
Cirúrgico que terá: cinco salas cirúrgicas; uma ala de repouso
pós-anestésico com cinco leitos; dez leitos de repouso pós-cirúrgico;
sala de material esterilizado, que constará de dois autoclaves de 750lts
– equipamento para esterilização de materiais; uma lavadora de traqueia;
uma termodesinfectora (aparelho que realiza limpeza automática e
desinfecção com água quente, e tem sistema de secagem próprio); uma
lavadora ultrassônica, que automatiza a limpeza de instrumentos
cirúrgicos. O quinto pavimento terá 20 leitos de UTI (Unidade de
Tratamento Intensivo) adultos e mais dez leitos de UCI (Unidade de
Cuidados Intermediários) adultos.

“Agradeço sempre ao Governo do Estado pelas parcerias, principalmente na
área da saúde, que têm permitido reconstruirmos Volta Redonda, após
reassumirmos uma cidade que estava precisando de muitas melhorias, em
diversas áreas. Essa ampliação vai permitir que o São João Batista se
torne uma unidade cirúrgica e reforce seu papel de referência na
região”, afirmou o prefeito Antonio Francisco Neto.